• estaciosvaloi

Até 2022:

Financiamento da UE vai garantir acesso à electricidade a mais de 700 000 agregados familiares



A União Europeia (UE) aprovou uma subvenção no valor de 30 milhões de Euros para aumentar o acesso à electricidade em Moçambique, em especial nas províncias da Zambézia e de Nampula. Estima-se em mais de 700 000 famílias e centenas de micro e pequenas empresas irão beneficiar-se da contribuição da UE. As primeiras ligações à rede eléctrica nacional explorada pela Eléctricidade de Moçambique até o final de Dezembro corrente.


Os fundos são parte do PROMOVE, uma abordagem compreensiva da UE para o desenvolvimento rural em Moçambique. Assim, a UE canaliza a sua contribuição através do Fundo Fiduciário Multi-doadores - ProEnergia -, criado para apoiar a execução do programa do Governo “Energia para Todos”, cujo principal objectivo é proporcionar o acesso à electricidade em zonas rurais e peri-urbanas em todo o país. Os outros parceiros desta iniciativa são a Suécia, a Noruega e o Banco Mundial.


Falando sobre os esforços da UE de apoio ao sector da energia, o Embaixador da UE em Moçambique, Antonio Sánchez-Benedito Gaspar, afirmou que “o acesso à energia é um catalisador do desenvolvimento e da redução da pobreza. Estamos orgulhosos por contribuir para um maior acesso aos serviços básicos e para a criação de novas oportunidades de emprego, trazendo electricidade a milhares de moçambicanos”. A acção da UE no sector da energia contribui para o cumprimento do Objectivo de Desenvolvimento Sustentável n.º 7, que preconiza o acesso universal à energia fiável, sustentável e moderna e acessível.

Esta subvenção de 30 milhões de Euros complementa o apoio financeiro da UE ao Projecto de Leilões de Energias Renováveis (PROLER), centrado em aumentar a capacidade de produção de energia em Moçambique em mais de 120 MW a partir de fontes renováveis para responder à procura de electricidade no país.


Outras iniciativas financiadas pela UE no sector da energia em Moçambique são o Centro de Recursos Energéticos, o qual presta serviços de capacitação, aconselhamento e assistência técnica no domínio das energias renováveis a várias instituições públicas, como o Ministério dos Recursos Minerais e da Energia; o Regulador da Energia; o Fundo de Energia e a Eletricidade de Moçambique; e o GET.Invest Mozambique, que presta apoio a empresas privadas que operam no sector para alcançar a capacidade de financiamento de projectos através de entre outras, aconselhamento jurídico e técnico, orientação e criação de parcerias. (MOZ24)


25 views0 comments

Subscribe our newsletter

  • facebook

Ficha técnica

Director Editorial: Luís Nhachote (+258 84 4703860)

Editor: Estacios Valoi 

Redaçao: Germano de Sousa, Palmira Zunguze e Nazira Suleimane

Publicidade: Jordão José Cossa (84 53 63 773) email jordaocossa63@gmail.com

 

NUIT: 100045624

Nr. 149 GABIFO/DEPC/2017/ MAPUTO,18 de Outubro  

Endereço Av. Cardeal Don Alexandre dos Santos 56 (em Obras)

© By BEEI